domingo, 7 de maio de 2017

Em um ano, casos de homicídios aumentaram 466% em Touros

FOTO: SÉRGIO COSTA / PORTAL BO
 A onda de violência que vem colocando algumas cidades do RN em alerta chegou ao município de Touros, distante 84 quilômetros de Natal. Somente nos primeiros cinco meses deste ano, 17 foram mortas, contabilizando uma diferença de 466% em relação ao mesmo período do ano de 2016. A maioria desses casos tem características de execução.
Os dados são do Observatório da Violência Letal Intencional no Rio Grande do Norte (Obvio). De acordo com o pesquisador e especialista em Segurança Pública, Ivênio Hermes, esse tipo de violência tende a crescer e avançar cada vez mais para as entranhas do Estado.
"Os crimes de morte, quase todos com características de execução, tem como razões uma série de fatores já denunciados e apresentados aos poderes administrativos de Segurança do Estado, porém, as medidas sugeridas e adequadas para frear essa locomotiva da morte não estão sendo tomadas", informou.
Hermes ainda disse que com as investigações a passos lentos e a conjuntura de prevenção ineficaz pela ausência, principalmente, de policiamento nas ruas, o crime organizado estabelece novos endereços e franquias do tráfico dominando de forma sangrenta territórios que antes não possuíam.
A reportagem do Portal BO esteve na cidade de Touros para saber como essa estatística vem interferindo na vida dos moradores que até bem pouco tempo tratavam do município como uma praia tranquila e boa para se morar. Das 20 pessoas abordadas, entre elas comerciantes, donas de casa e pescadores, 18 apontaram o tráfico de drogas como a principal razão para tantas mortes no local.
João Maria relatou que mora em Touros há 40 anos e só agora que começou a ver pessoas estranhas chegando e se alojando na cidade e depois aparecendo mortas. "Quando aparece uma pessoa diferente a gente já fica na suspeita se é do bem ou do mal, só sabemos depois que começam as notícias por aí que fulano é traficante e que a polícia está atrás. Ninguém nunca mais teve paz por aqui".

A Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social informou que medidas emergenciais e preventivas estão sendo tomadas com a finalidade de identificar, localizar e prender todos os envolvidos nesses assassinatos em Touros. Em contato com o Portal BO, a secretária Sheila Freitas explicou que, assim como na cidade de João Câmara, forças das polícias Militar e Civil deverão realizar atividades em conjunto em pontos estratégicos e em datas já definidas.
fonte>portal bo
ANUNCIE AQUI LIGUE:  
99433-5589. Acesse Email: xuadoagreste@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário