quarta-feira, 2 de maio de 2018

Mineiro pede cópia de relatório apontando sobrepreço em contrato no Detran


Crédito das Fotos:  João Gilberto
O deputado Mineiro Lula (PT) solicitou uma cópia do relatório elaborado após auditoria no Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) promovida pela Diretoria de Administração Indireta (DAI) do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN). De acordo com as informações apresentadas pelo parlamentar, o documento apontou sobrepreço de quase R$ 900 mil em um contrato de locação de impressoras feito pelo órgão.
“A Assembleia precisa se posicionar sobre esses documentos. Se não se posicionar agora, vai ter que fazer quando for questionada. Solicito que a Mesa Diretora peça esse documento para que todas as comissões analisem do que se trata”, disse.
Em colaboração, o deputado Kelps Lima (SOLIDARIEDADE) também se manifestou durante o pronunciamento feito na manhã desta quarta-feira (2). “A solicitação de Mineiro comunga com o que eu falei anteriormente sobre o papel da Assembleia. Sugiro que a Assembleia se posicione para depois não ficar como negligente”, disse Kelps referindo-se a solicitação de informações ao Detran em virtude da criação de nova taxa no valor de R$ 395,00, sendo R$ 195,00 para pagar uma empresa para fazer o serviço de cobrança do novo registro no valor de R$ 200,00. “É preciso investigar este novo serviço do Detran que onera o contribuinte”, salientou.
Violência
Ainda em pronunciamento, o deputado Mineiro Lula chamou atenção para a onda de violência contra os movimentos sociais no Rio Grande do Norte. Segundo o parlamentar, o Movimento Sem Terra que fica perto da Barragem de Tabatinga sofreu atendado. “E esse final de semana, tivemos notícias que o acampamento de Mossoró foi alvo de tiros, pela segunda vez. Fica aqui o meu repúdio e minha solicitação para que o Estado tome uma atitude em relação a isso e contenha essas ações contra o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra no RN”, finalizou.



ANUNCIE AQUI LIGUE:  
99433-5589. Acesse Email: xuadoagreste@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário