segunda-feira, 30 de março de 2020

Corpo de professor universitário vítima do coronavírus no RN é enterrado sem velório e com caixão lacrado


Professor Luiz Di Souza — Foto: Aduern

O corpo do professor universitário Luiz Di Souza, vítima do novo coronavírus, foi enterrado em caixão lacrado, sem velório e com a presença de quatro familiares na noite deste domingo (29). Luiz morreu na noite de sábado após passar uma semana internado. Essa foi a primeira morte por Covid-19 no Rio Grande do Norte. Luiz tinha 61 anos e era diabético.

O sepultamento aconteceu no cemitério São Sebastião, em Mossoró. A esposa de Luiz, Margareth Souza, conta que a orientação foi para que os familiares ficassem a pelo menos três metros do caixão. "Não podíamos nem chegar muito perto", disse. Somente ela, duas filhas e um genro puderam ir ao sepultamento. "Não permitem mais pessoas por causa do vírus", disse Margareth.

De acordo com o último boletim da Sesap, divulgado neste domingo (29), o RN tem 68 casos confirmados no novo coronavírus.

Atendimento médico

Segundo ela, o marido teve febre e tosse e procurou o hospital no dia 18 de março. Ele foi medicado e voltou para casa. Sem melhora, Luiz voltou ao hospital no dia 21 e pediu para fazer o teste de coronavírus. "O médico pediu uma tomografia do pulmão e quando saiu o resultado ele internou o Luiz direto na UTI", conta Margareth.

"No domingo ele foi para o quarto. Ele estava se recuperando, cada dia era uma melhora maior. Aí no sábado a noite ele foi colocar um shorts e isso deu um cansaço muito grande, uma falta de ar. Os médicos levaram ele pra UTI, e lá ele teve uma parada cardiorrespiratória e não voltou", conta Margareth.


fonte:g1rn

ANUNCIE AQUI LIGUE: 
99433-5589. Acesse Email: xuadoagreste@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ex-prefeito de São José de Campestre é denunciado por desvio de recursos da merenda escolar

          José “Zequinha” Borges Segundo O Ministério Público Federal (MPF) apresentou denúncia contra um ex-prefeito de São José de ...