domingo, 12 de abril de 2020

Pré-candidato a prefeito de Janduís pelo PSOL é assassinado neste sábado (11)


O Pré-candidato a prefeito de Janduís, Neto de Nilton (PSOL) foi assassinado neste sábado (11) ao ser atingido por tiros de espingarda calibre 12.

O crime aconteceu quando Netinho, como era popularmente conhecido, chegava em sua fazenda, na zona rural de Janduís.
A informação foi compartilhada pelo Deputado Estadual Sandro Pimental (PSOL), nas redes sociais. Segundo Sandro, o carro de Netinho ficou crivado de perfurações e ele não teve chance alguma de reação.
Os assassinos ainda não foram identificados. A motivação para o crime segue em investigação.
Sandro comentou que "Janduís é uma terra muito perigosa para quem ousa enfrentar o sistema podre da direita", e enfatizou que "esse crime político não ficará impune", disse. "Vamos repercutir nos 4 cantos do Brasil. Mais um assassinato político para calar a voz do PSOL, mas não conseguirão", acrescentou.
Nas redes sociais de moradores do município, é possível encontrar mensagens de homenagem e de apoio aos familiares de Netinho.
Sandro Pimentel concluiu a mensagem dizendo que "a cidade está em silêncio e muitas pessoas chorando nesse momento, ele era muito querido pela população. Ninguém calará o nosso grito".
 Fonte:agora rn

ANUNCIE AQUI LIGUE: 
99433-5589. Acesse Email: xuadoagreste@hotmail.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

CELSO DE MELLO COMPARA BRASIL Á ALEMANHA DE HITLER E DIZ QUE BOLSONARISTAS QUEREM "ABJETA DITADURA"

O ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), enviou mensagem a ministros da corte alertando que a “intervenção militar...